BLOG COLETIVO

INTERAÇÃO DE AMIGOS.
VOCÊ, É A PÉROLA QUE FALTAVA. QUE BOM QUE VEIO.

Seguidores-onde foram parar??

MEUS VISITANTES.





Image and video hosting by TinyPic


Volte Sempre!!!
Estarei sempre aqui, lhe esperando.
s-16917http://2.bp.blogspot.com/_vzrlnu76oJw/S59hupVevMI/AAAAAAAAC5k/AbinGmJaIbo/s320/TOTOSANDRA.jpg


sexta-feira, 26 de junho de 2009

Dia Internacional de Combate às Drogas

Blogagem Coletiva 26 de Junho
[etiqueta+01.jpg]


Pelo Dia Internacional de Combate às Drogas!



Fazendo parte da Blogagem Coletiva promovida pelo blog Compulsao Diária.

http://3.bp.blogspot.com/_vCWKTPdegnE/SjF3m04YjxI/AAAAAAAABh8/na8N2pnuIPo/s320/campanhas_mao_fotogrande.jpg
Esta Frase diz tudo:
"Quem Compra Drogas Financia a Violência".

Como é penoso ter que ouvir, falar esta frase. Sabemos que muitos dos nossos jovens estão envolvido neste dilema, tão chamado drogas. É através do fuma, da bebida e da própria droga em si. É doloroso para um pai, uma mãe saber que seus filhos trilham esse caminho. É triste saber que muitas famílias se desfazem por motivo do excesso do álcool, no seu dia - a- dia. Como é triste saber que milhares de pessoas morrem, pelos vícios ilícitos e lícitos. ou até com a legalidade, aquelas que estão no mercado, prontas para serem consumidas. O fumo, as drogas, estão cada vez mais perto dos nossos jovens. Os números são alarmantes. Cada vez mais vem aumentando o números de usuários. Para o jovem tudo, parece ser tão natural. Não tem a noção, ou não quer entender que milhões de jovens como ele, morrem a todo ano. Pois tem aquele, que não se contenta mais, com o pouco, e abusa da overdose. Quer se sentir no alge, da fantasia, do delírio, e não vê, que está caminhando, para o abismo da morte. Está se jogando aos braços dela. Todas as campanhas de divulgação, de alerta, de conscientização, parece não ter sentido algum para eles. Pois, é uma verdadeira disputa entre os amigos. Até parece que tem que provar algo aos ditos" amigos". É muito triste ver toda esta cena, rodando diariamente em nossos olhos, e não conseguimos controlar a situação. Não por falta de conscientizarmos, mas por opção própria do Jovem, da pessoa, que está envolvida, com estas drogas. São pessoas, que não aceitam serem ajudas. acham que não estam fazendo nada de mal. E que tudo é muito natural. É só mais um gole, é só mais uma pitada, uma tragada. Pois, não consegue perceber, o grande mal, que está por dentro desse gole, por dentro dessa tragada. O pulmão que o diga. O esófago estômago, é que vão sofrer as consequências futuras de um câncer, que vais se instalando, silenciosamente, neste organismo. É muito natural, vermos crianças com apenas 10, 11 anos de idade, entrando nesta vida, consumindo cigarros livremente, sendo portadoras de cigarros. Bebidas em dias de festas, nem se fala, principalmente em lugares públicos, vendidas pelos estabelecimentos, tais como bares, supermercados, Shopping.


Sim. Lembro-me que ano passado, estava eu e minha
família no shopping,
fazendo um lanche, e de repente vejo tanta algazarra, falas muito altas, chamando a atenção de quem por ali estava, passavam, jovens, que eu já havia dado aulas para eles, tomando cerveja naturalmente, misturadas com outras bebidas, muito mais fortes. Como eu sabia da idade deles, fui direito ao dono do local, que possivelmente eles compraram a cerveja, já que o nome apontava para tal lugar, e comuniquei o que estava acontecendo. E que aqueles jovens que ali estavam eram todos de menores. Embora a estrutura física, lhe apresentava mais. Mas eram jovens de 15 e 16 anos. O incrível, que quando os jovens viram minha atitude, foram todos saindo de fininho, embolsando as demais bebidas, que estavam na mochila, sem que ao menos fossem advertidos pelo dono. Pois ao perceber que estavam sendo notificados, foram todos embora.



Outro caso que posso relatar, era de uma migo meu, muito bem sucedido na vida e que perdeu tudo, por causa das drogas e d bebida. Inclusive se separou da família, voltou a morar com o pai, que para sustentar o vicio das drogas, colocou o pai no asilo, vendeu a casa, e trocou todo o dinheiro, para sustentar o vício. claro que tudo isso, não aconteceu do dia para a noite.
Foram se sucedendo a cada dia, até ele ficar morando na rua. Sem teto ou comida. Virou morador de rua. Lembro-me, que quando vi ele, naquele estágio da vida, me cortou o coração. Meus filhos estavam junto comigo e viram toda a cena. Chorei de tristeza. Ele quando me viu, ficou todo envergonhado. É duro ver alguém nesta vida, neste caminho. Pois muitas vezes é um caminho sem volta. Graças a Deus, que houve pessoas que o ajudaram, encaminharam ele, para o AA, ele deu a volta por cima. Voltou a estudar ( continuou a sua faculdade), deu um novo rumo a sua vida.



Outro fato é o meu cunhado. Perdeu a família dele, filhos lindos, e está condenado a morte. Pois está com câncer de fígado. Quem sofre é toda a família. Pois quem está doente, viciado, não tem nação do que se passa ao redor, e se sabe não está nem ai. Tem momentos que ele chega a beber álcool puro, para se sustentar. O corpo nesta fase não fica mais sem a droga da bebida. O corpo pede, e a pessoa acaba ingerindo o que tem pela frente.
Ele, até está em tratamento, mas não se ajuda. Faz de conta que toma os remédios e joga fora. Hoje vive sozinho. Tem os pais por perto, mas não vive na mesma casa. Mora nos fundos.

Assim como esses casos que citei poderia ter citados tantos outro. Mas o espaço é pequeno para tantos depoimentos. Hoje o que temos a fazer é conscientizar, fazer um trabalho muito educativo, junto aos nossos jovens, pelo menos tentando desviá-lo desse caminho, cruel e matador.
Caminho este que deixam marcas profundas na vida das pessoas. sejam simples ou celebridades, como é caso de vários artistas que estão fora do seu trabalho, para tratamento. Ou a mesmo que perderam lindas carreiras por causa das drogas.


Outro dia li no jornal, sobre um caso que ocorreu em Joinville de uma mãe, que estava proibida de ver seu filho, que também estava lá internado, pelo fato dela ser usuaria de droga, e bebe ter que passar pela obervação médica.
Enfim, são muitos fatos que ocorrem. Inclusive este caso dá mãe, uma moça jovem esta no Jornal com o Título: As mães e o Crack.
Nesta história toda, quem sofre é o bebe, com o efeito das drogas.Um bebe dessa natureza, quando nasce de mão usuária de drogas, fica hospitalizado, pelo período de 03 dias. Se o mãe fuma o crack, no inicio da gestação, corre o risco de seu bebe nascer com deformação. Além desse bebe nascer com o sofrimento da abstência, também nasce com com o problema da desnutrição.
Conta ainda no Jornal, que uma mãe teve sete gestão, e todas foram abortadas, em função do uso das drogas.
Como é triste ler e relatar histórias desse nível.
O poder que as drogas exercem no organismo é muito grande.

Também ouvi a seguinte noticia na rede de notícia televisina: Jovem de 20 anos, é morta a queima rouba, na porta de sua casa por motivo de drogas. Tudo isso é muito triste para uma família ter que conviver, e ainda por cima ter que dar depoimento.
jpg]" border="0">
Dia 26 de Junho, dia internacional do combate as drogas. Vamos levantar esta bandeira da Paz. Ajude a dizer não contra as drogas. Denuncie sempre que for preciso. Não seja conivente com esta ideia. Não vale a pena.
Drogas muitas vezes é suicídio silencioso, na vida de alguém.
Acredito que ao é falta de conscientização, que faz o jovem se envolver. Todos em todos os canais de TV, rádios, inclusivo num rótulo de produto higiênico,comprado em supermercado, contendo a seguinte frase: "Selando parceria para um vida sem drogas".


Nas escolas, são realizadas palestras, conscientizando os grandes maus que a droga traz para o organismo. Mas, os nossos jovens, muitos deles, não estão nem ai. Acham que estão abafando, mostrando poder. E com isso, levam outros jovens.
É bem complicado esta situação. Também existe um tal de "narguile", onde eles cheiram excessivamente, esta substância perfumada, causando sérios problemas de saúde. Eu inclusive conversei, com a mãe de um alunos, alertando sobre o problema. Sim, vejo, que é um problema. Quem nos garante que ali dentro só tenha a essência do produto. É grande passo para cheirar as drogas. Mas infelizmente, ela achou que era normal, e que os meninos, já tinham parado. Acredito que todo o cuidado é pouco.

"Pesquisas recentes apontam que os principais motivos que levam um indivíduo a utilizar drogas são: curiosidade, influência de amigos (mais comum), vontade, desejo de fuga (principalmente de problemas familiares), coragem (para tomar uma atitude que sem o uso de tais substâncias não tomaria), dificuldade em enfrentar e/ou agüentar situações difíceis, hábito, dependência (comum), rituais, busca por sensações de prazer, tornar (-se) calmo, servir de estimulantes, facilidades de acesso e obtenção e etc."

Procure saber mais, através da Web
No google

10 comentários:

Nanda Botelho disse...

Ótimo tema! Já peguei o selo!

Bjs!

Georgia disse...

É triste mesmo vermos tantos jovens perdidos e envolvidos nas drogas.

Bjus menina

Mylla Galvão disse...

Sandra,
Seu post é simples e claro...
Gostei muito...
É mesmo duro ver nossos amigos e familiares nesse triste caminho... Meu filho até ensaiou uma "chegadinha" nesse mundo... Mas consegui salvá-lo a tempo... Graças a Deus...
Também estou participando com meus dois blogs...
Beijos

António Rosa, José disse...

Prazer em conhecer o seu blog. Apreciei muito o seu post da blogagem colectiva - combater a droga.

Voltarei depois para conhecer melhor e com a calma que merece :)

Parabéns por sua participação!

Agora vou continuar a visita a todos os blogs que participaram na blogagem colectiva contra a droga.

Abraços.

António Rosa

Sandra disse...

Antonio!
Obrigado pale visita.
Sandra

Sandra disse...

Valeu Nanda.
É sempre bom tê-la aqui, juntinho de mim.
Sandra

Sandra disse...

Mylle e GE!
É sempre muito triste, ver pessoas envolidas na droga.
Perdeu a vida, vivem triste e semsentido de vida.
Bjs.
Sandra

lgresende disse...

Acho que a questão vai além da violência e a droga gera muito mais do que ela. Mas este, sem dúvida, é um dos seus principais aspectos.

Sandra disse...

Valei Igresende.
Bem vinda
Sandra

Andreia disse...

Olá querida Sandra! Este tema é muito triste, mas necessário. Eu tenho uma amiga que passa por este problema com sua filha, e não é fácil.
Ter uma pessoa viciada na família é uma luta dolorosa e diária, ás vezes causa uma desestrutura tão grande na família, que é irrecuperável.
Fico muito triste, pois estes jovens entram em um mundo que por muitas vezes não tem volta e é muito doloroso assistir a esta degradação sem que se possa fazer algo que realmente possa resolver o problema, tratar as raízes que nem sempre são fáceis de ser encontradas, enfim...
Bjsss em seu coração querida amiga!